O coordenador do Procon do Rondonópolis, Juca Lemos, anunciou o resultado do auto de infração nº 05/2014, que rendeu mais de R$ 44 mil para o Fundo Municipal de Defesa dos Direitos do Consumidor, referentes a uma multa aplicada no ano passado à empresa Azul Linhas Aéreas.

A multa inicial foi de R$ 76 mil, aplicada em maio de 2014, em função de a empresa lesar mais de 30 passageiros, que tinham comprado bilhetes para embarcar em Rondonópolis às 17h55 do dia 27 de maio de 2014. “Estes passageiros só foram comunicados que o voo teria sido cancelado por volta das 16h. Muitos foram alojados em hotéis aqui na cidade e alguns, que tinham conexões no aeroporto de Cuiabá, foram transportados para lá. A questão é que a empresa alegou problemas mecânicos na aeronave e por isso recorreu da multa e conseguiu baixar de R$ 76 mil para R$ 44.579,11”, disse Juca Lemos.

Leia também:  Temporal deixa casas destelhadas, sem energia e uma pessoa ferida em Rondonópolis

O Procon recomenda a todos os consumidores que se sentirem lesados, a procurarem seus direitos, para que casos como este da empresa aérea fiquem cada vez mais raros. “A partir do momento que o consumidor realmente buscar a garantia de seus direitos, as empresas tomarão mais cuidado e, certamente, darão mais respeito para aquele que compra produtos e serviços. Precisamos conscientizar a todos que tanto o Procon como também os Ministérios Públicos estão à disposição para atender ao consumidor. Portanto, recomendamos que todos usem o serviço de proteção aos direitos do consumidor”, recomenda Juca Lemos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.