Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Uma ex-funcionária da Força Aérea dos EUA alegou ter sido abduzida por alienígenas reptilianos e estuprada incontáveis vezes por eles na lua.

Niara Terela Isley, que trabalhou como oficial de rastreamento de radar, e que vive no estado do Colorado, contou ter sido raptada por um “humanoide com uma cauda” e levada para uma base secreta, no lado mais distante da lua.

Ela disse que lá foi abusada pelas criaturas. Niara contou se lembrar de poucas coisas, mas mencionou que teve uma misteriosa droga injetada em seu pescoço.

Niara Terela Isley, ex-funcionária da Força Aérea dos EUA, alegou ter sido abduzida por alienígenas reptilianos e estuprada incontáveis vezes na lua.

Leia também:  Avião particular parte ao meio após cair com problemas mecânicos em Istambul

A mulher, que é mãe, descreveu a série bizarra e chocante de incidentes sob hipnose. Em uma entrevista ela alegou ter sido levada para o espaço entre 8 e 10 vezes ao longo de vários meses, quando tinha 25 anos de idade.

Reprodução
Reprodução

Os reptilianos ainda a teriam obrigado a escavar partes da lua. Ela relatou que os incidentes cessaram na década de 1.980 e, como não se lembra de muitos detalhes, acredita que teve parte da memória apagada.

Por não se lembrar de todo o suposto acorrido, ela buscou por hipnose.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.