Um gato que havia desaparecido foi encontrado em uma adega sete semanas mais tarde e teve intoxicação após tomar 3 garrafas da bebida.

Foto Divulgação
Foto Divulgação

Aljosha, um Angorá turco de seis anos de idade, desapareceu de sua casa, em North Rhine-Westphalia, na Alemanha, e sua proprietária, Claudia von Büren, temeu que o animal de estimação pudesse ter morrido.

Ela havia espalhado cerca de 150 folhetos com a imagem do bichano, com o objetivo de encontrá-lo. Isso só aconteceu sete semanas mais tarde.

A mulher descobriu que o gato estava na adega de um de seus vizinhos e que havia bebido três garrafas de vinho. O animal precisou de atenção médica urgente.

O álcool em seu organismo atingiu um nível perigoso, intoxicando-o. Aljosha recebeu tratamento e depois de três dias pôde voltar para casa, mas se recusa a beber água, aparentemente por temer ser vinho branco.

Leia também:  Incêndio em Califórnia deixa vários estragos e dezenas de mortos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.