Dois irmãos acusados de estelionato foram presos nesta quarta-feira (7), no município de Alto Taquari. Os suspeitos identificados como Paulinho Fernandes da Silva, 51 anos e Carlos Fernandes da Silva, 45 anos, eram procurados pela Polícia de Mato Grosso do Sul, eles são acusados de aplicar golpes, usando cheques sem fundo e causando prejuízo de cerca de R$ 80 mil às vítimas.

O último crime praticado pelos suspeitos ocorreu na manhã de ontem (7), em uma joalheria do município de Costa Rica (MS), a 90 km de Alto Taquari. As joias levadas pelos dois irmãos foram avaliadas em R$ 30 mil. Segundo a PJC, há informações de golpes aplicados pelos suspeitos em Chapadão do Sul e Chapadão do Céu, com prejuízos calculados em quase R$ 50 mil.

Leia também:  Dois são presos e um menor de 13 anos apreendido por tráfico de drogas

Ainda conforme a PJC, a prisão dos irmãos ocorreu após troca de informações entre a equipe da Delegacia de Alto Taquari e das unidades da Polícia Civil nas cidades circunvizinhas, de Goiás e Mato Grosso do Sul. Com base nas características dos suspeitos, a Polícia realizou diligências pela cidade e avistou a caminhonete usada pelos irmãos, que tentaram fugir após perceber a presença dos investigadores de Alto Taquari.

Com o apoio da Polícia Militar (PM), os suspeitos acabaram sendo detidos na MT-110, sendo encontrados na caminhonete, duas armas de fogo e no interior do volante do veículo, as joias adquiridas com o golpe.

Após a prisão, os suspeitos foram entregues a Polícia Civil de Costa Rica.

Leia também:  Uma pessoa morre e outra fica gravemente ferida no Jardim Gramado
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.