O senador José Medeiros (PPS) comemorou, durante discurso ocorrido nesta terça-feira (06.10) o recorde da safra agrícola de Mato Grosso e destacou levantamento do Ministério da Agricultura que mostra o estado na liderança, pelo segundo ano consecutivo, do ranking brasileiro da produção agropecuária.

Segundo José Medeiros, a lavoura e a pecuária do estado, na safra de 2014/2015, geraram R$ 62 bilhões. O segundo colocado, São Paulo, produziu o equivalente a R$ 61 bilhões. José Medeiros observou que Mato Grosso é campeão nacional na produção de algodão, milho, soja e carne bovina.

Apesar das boas notícias, o senador alertou para o fato de a região sofrer com problemas de infraestrutura, especialmente quanto à qualidade das estradas e a inexistência de ferrovias e hidrovias. José Medeiros salientou que a seca também pode prejudicar a produção.

Leia também:  Cerca de 24 mil presos são monitorados por tornozeleiras eletrônicas

“Temos um atraso sensível no cultivo da safra de soja de 2015, e eu receio que teremos de novo uma estiagem severa, como a que tivemos no ano passado. Isso fez com que os sojicultores adiassem o início da lavoura. As altas temperaturas e a pouca umidade no solo obrigaram os agricultores a restringirem a plantação apenas às áreas irrigadas”, afirmou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.