Reprodução/Seminole County Sheriff's Office
Reprodução/Seminole County Sheriff’s Office

O norte-americano Shawn Ryan Thomas, de 31 anos, foi condenado a 885 anos de prisão na Flórida por possuir uma “enorme” quantidade de material de pornografia infantil.

Além disso, ele planejava sequestrar uma menina de nove anos, matar seus pais, violentá-la sexualmente e filmar os estupros.

Thomas deve ser julgado em breve por tentativas de rapto, abuso infantil e homicídio.

Ele foi preso depois de ter caído em uma armadilha e revelado seu plano a um informante da polícia.

O réu foi considerado culpado de 60 crimes, sendo que cada um prevê uma pena máxima de 15 anos de cadeia.

Advertisements
Leia também:  Chinês tenta fugir de hotel para não pagar conta escalando fio a 60 metros de altura

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.