O vereador Mauro Campos usou seu espaço na tribuna livre da sessão ordinária da Câmara de Vereadores de quarta-feira (21) para cobrar a direção do Hospital Regional de Rondonópolis e o governo do Estado melhores condições para a unidade de saúde.

O parlamentar se disse indignado com a demora da fila para as cirurgias de alta complexidade. “O que ocorre no Regional é uma calamidade. Tem gente aguardando 125 dias para uma cirurgia e não consegue. Tem paciente morando no Hospital Regional, isto é um absurdo! Uma pessoa não pode esperar e nem ficar tanto tempo internada esperando um procedimento”, protesta.

Mauro ainda frisou que o problema é corriqueiro e ocorre constantemente. “Essa questão não é exclusiva de uma pessoa, acontece com dezenas de pessoas. É muita gente passando necessidade. Conheci de perto um caso de um homem, que todo dia se prepara para uma cirurgia e ela não ocorre. Isso é acaba com o psicológico de qualquer ser humano. Posso garantir que providências serão tomadas”, afirma.

Leia também:  PMDB pode analisar expulsão de ex-governador Silval Barbosa

Um dos primeiros atos para tentar reverter a situação é a criação de comissão de vereadores para cuidar do caso. “Esperamos contar com adesão de vários colegas, vamos entrar no Hospital Regional e verificar onde estão as maiores deficiências da unidade, montar um relatório e cobrar quem precisa ser cobrado”, finaliza Mauro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.