Fotos: Caters News Agency
Fotos: Caters News Agency

Uma criança diagnosticada com ‘morte cerebral’, após um quadro avançado de meningite, sobreviveu depois que seus pais decidiram desligar os aparelhos que o mantinham vivo.

O caso aconteceu na Inglaterra.

Segundo  os pais de primeira viagem, Samantha Baker e Adam Ellmer, receberam a notícia que Harrison Ellmer estava com meningite com apenas três semanas de vida.

Poucos dias depois, a infecção havia se espalhado e o menino já não tinha mais chance de vida.

Após decidirem desligar os aparelhos de Harrison Ellmer, o casal se surpreendeu com o fato do bebê ainda continuar respirando.

Os médicos disseram a Samantha Baker e Adam Ellmer que mesmo assim a criança não tinha atividade cerebral e não poderia andar, falar ou se alimentar.

Leia também:  Tiroteio dentro de igreja deixa idosos feridos nos EUA

Desafiando o diagnóstico da medicina, o “bebê milagre”, como é conhecido, atualmente está com três anos e exerce normalmente todas as atividades para uma criança de sua idade.

“Olhando para ele agora e vendo-o correndo por aí, andando de bicicleta e lendo livros, é maravilhoso.

Harrison é cheio de vida e não podemos acreditar em como temos sorte em tê-lo”, disse Samantha

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.