Holly Holm derruba Ronda Rousey, nocauteia adversária e é campeã - Foto: Quinn Rooney/Getty Images
Holly Holm derruba Ronda Rousey, nocauteia adversária e é campeã – Foto: Quinn Rooney/Getty Images

A lenda caiu. De maneira impressionante, Ronda Rousey conheceu sua primeira derrota no MMA, neste sábado (14), no combate principal do UFC 193. A responsável por isso foi a agora nova campeã dos galos feminino, Holly Holm. A ex-boxeadora venceu a luta por nocaute, depois de acertar um incrível chute, e se tornou a segunda dona do cinturão da história da divisão.

“Não sei. Estou tentando falar, mas é muito doido. Eu não poderia fazer nada disso sem o apoio que tive. Não queria chutá-la no corpo para evitar que ela pegasse no meu pé, e deu certo”, afirmou, em prantos, a nova campeã do UFC.

Com a vitória, Holly Holm não só coloca um ponto final na invencibilidade de Ronda Rousey, como mantém a sua. Agora, são 10 vitórias da nova campeã em 10 lutas no MMA.

Leia também:  União faz resultado e fica com título no sub-19

Claramente abalada com a derrota, Ronda Rousey não ficou no octógono para a tradicional entrevista depois das lutas e foi levada ao hospital, por precaução e para dar pontos em um corte no lábio.

A luta

Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images
Holly Holm acerta chute que nocauteou Ronda Rousey – Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

O clima de tensão resultado da quente encarada na pesagem ficou claro antes mesmo do início da luta. Ronda Rousey se recusou a tocar as luvas de Holly antes de Herb Dean autorizar que o combate começasse.

Diferentemente de suas últimas lutas, Ronda viu sua trocação ser colocada constantemente à prova. Ex-campeã de boxe, Holly conseguiu desferir bons socos no rosto da campeã, que mesmo assim não se abalou. Com uma esquiva rápida, Holly mantinha a luta na longa distância e tentava soltar golpes exponenciais.

Leia também:  Público reage e evita prejuízo para o União

Não tendo vida fácil em pé, Ronda levou a adversária para o chão e tentou sua tradicional chave-de-braço, defendida pela adversária, que rapidamente se levantou. No final do round, um cruzado da campeã entrou em cheio no rosto de Holly Holm, que chegou a balançar, mas conseguiu travar a luta para evitar o nocaute. Depois de quatro lutas consecutivas, Ronda voltaria a lutar mais de um round.

E foi no segundo round que a lenda caiu. Com um chute certeiro de esquerda, Holly mandou Ronda para o chão e foi para cima com uma série de golpes que só terminou com a paralisação de Herb Dean. A divisão feminina dos galos finalmente tem uma nova campeã.

Leia também:  1º Campeonato de Futebol Amador está com inscrições abertas até segunda
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.