O líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral (PT-MS), se “descontrolou completamente” ao ser informado que o ex-presidente Lula o havia criticado na tarde desta quinta-feira (26).

Durante um almoço na sede da Central Única dos Trabalhadores (CUT), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chamou de “coisa de imbecil” o comportamento do líder Delcídio, preso no âmbito da Lava Jato sob acusação de tentar atrapalhar as investigações.

Em conversas com sindicalistas, Lula demonstrou perplexidade: “Que loucura! Que idiota”, repetiu. As informações são do jornal ‘Folha de S. Paulo’.

 A declaração de Lula foi mostrada a Delcídio durante o depoimento do senador para a Polícia Federal na superintendência da corporação em Brasília, onde o parlamentar está preso.

Leia também:  Presidente da OAB se manifesta sobre advogada que chamou Maggi de "cocaleiro"

As informações apontam que, por este motivo, Delcídio não chegou a ser questionado sobre o trecho da gravação telefônica em que o senador sugere para o filho de Nestor Cerveró uma fuga do  ex-diretor da Petrobras para a Espanha via Paraguai. A gravação serviu de base para a Procuradoria-Geral da República pedir a prisão do senador.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.