Uma ação integrada da Polícia Judiciária Civil (PJC) dos estados de Mato Grosso e de Sergipe terminou no cumprimento do mandado de prisão contra de José dos Santos Santos, vulgo ‘Madruga’ e de Adriano de Santa Nascimento. Os dois são, marido e filho, respectivamente, de uma idosa morta por esgorjamento na cidade de Sinop. A prisão ocorreu em um povoado localizado próximo a Aracaju (SE).

Conforme informações da Polícia, o caso ocorreu no dia 28 de julho deste ano, quando a idosa foi encontrada morta com um corte de faca no pescoço, na própria residência no bairro Maria Vilidiana 2. Segundo a Polícia, que passou a investigar o caso, no interrogatório do marido e do filho da vítima foram apresentadas várias contradições o que apontou os suspeitos como autores do crime.

Leia também:  Jovem é baleado em estabelecimento comercial na avenida Brasil

O delegado Carlos Eduardo Muniz dos Santos representou pela prisão dos suspeitos e antes que a ordem judicial fosse expedida, pai e filho fugiram para o estado de Sergipe. Segundo o delegado, o crime foi motivado por questões patrimoniais relacionadas a vítima e os suspeitos. “A vítima não tinha desavenças em sua vida pessoal, fato que fez com que a sua morte causasse grande repercussão na cidade”, disse.

Após troca de informações com o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Aracaju, eles foram localizados no povoado ‘Sirizinho’, no município de Rosário do Cateto, cerca de 30 quilômetros da capital.

De acordo com o delegado o trabalho realizado pela equipe da DHPP de Aracaju foi fundamental para a localização dos suspeitos. “Desde o primeiro contato, eles se disponibilizaram a encontrar os foragidos, sendo realizada a troca de informações constante até a prisão dos suspeitos”, destacou o delegado. “Eles já estão sendo interrogados lá e parece que foi muito produtivo. Estamos aguardando o interrogatório”, completou.

Leia também:  Escola de Poxoréu é queimada em ato de vandalismo
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.