Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Eliseba piora e Leila chora preocupada. Moisés segue treinando os homens do acampamento com espadas. Eldade admira a desenvoltura de Oseias no treinamento. Abirão, Datã e Corá dizem que não conseguirão vencer os Amalequitas. Arão se prepara para seguir na missão com Moisés. Ele se emociona ao se despedir de Joquebede e Eliseba. O rei Amaleque ordena que seu exército ataque o acampamento dos hebreus. Ana chora ao se despedir de Oseias.

Eles trocam juras de amor. Leila pede para Bezalel ficar no acampamento, mas ele se mostra decidido e diz que lutará pelo seu povo. Os filhos de Arão se preparam para a guerra. Corá se mostra indignado por ter que lutar. Apuki avisa que ficará no acampamento. Moisés lidera o grupo e eles partem para a guerra. Os soldados Amalequitas se preparam para atacar novamente o acampamento. Determinados, Moisés e os guerreiros hebreus seguem para a batalha. Nadabe mostra o local por onde os soldados Amalequitas fugiram.

Leia também:  Rico e Lázaro | Hurzabum revela ter notado semelhanças entre ele e Nabucodonosor

Moisés avisa que todos deverão esperar o momento certo para atacar os inimigos de surpresa. O libertador diz que seguirá para outro ponto com Hur e Arão para fazer uma oração. Abirão, Datã e Corá criticam a atitude de Moisés. Gahiji sente-se culpado por não ter ido ao combate. Chibale elogia a beleza de Ana e ela diz que ama Oseias. Apuki vê a filha conversando com o rapaz e diz que ela deveria escolhê-lo. Safira, Judite e Eldade se preocupam com o estado de Eliseba. Safira se oferece para cuidar de Fineas. Simut avisa que a mulher de Arão não piorou. Joquebede diz acreditar na bondade das pessoas.

Safira cuida de Fineas e diz para Judite que sonha em ter um filho. Apuki avista a esposa conversando com Safira e se aproxima. Judite apresenta a amiga ao marido. O feitor cobiça a moça na frente da esposa. Judite tanta disfarçar o ciúme e Safira fica constrangida. Leila, Abigail e Eldade se mostram ansiosos com Moisés e os outros hebreus. No local da batalha, Oseias e os outros se preparam para surpreender os Amalequitas. Datã diz não acreditar na competência de Moisés. Oseias encoraja seu povo. Do alto da colina, Moisés, Hur e Arão avistam o exército Amalequita se aproximando. Oseias manda todos assumirem suas posições. Moisés pede a ajuda de Deus.

Leia também:  Resumo de novelas desta quarta-feira (15)

Ao avistarem os hebreus, os soldados Amalequitas debocham. Oseias comanda o grupo e ordena o ataque. Hebreus e Amalequitas correm na mesma direção. Hur e Arão observam aflitos. Os dois povos se encontram e iniciam a batalha. Eles se enfrentam. Oseias mata um soldado inimigo. Eliseba recupera a consciência e pergunta sobre Arão e os filhos. Amir e Zuri reconhecem a coragem dos hebreus. Eles seguem batalhando. Aoliabe atinge um soldado Amalequita e salva a vida de Zelofeade. Oseias luta e incentiva os outros a continuarem o combate.

Moisés continua orando a Deus. Gahiji aconselha Chibale a esquecer Ana. Judite reclama com o marido sobre a cantada que ele deu em Safira. Apuki confessa que conheceu a moça na casa de Senet. Judite fica perplexa com a revelação sobre Safira. Ana diz que Jairo não pode se sentir superior aos hebreus. Bina magoa Safira ao dizer que só um milagre fará com que a irmã engravide. Em conversa com Radina, Simut comenta o amor que sente por Karoma. Eliseba pede para falar com Arão e os filhos. Oseias luta bravamente contra os Amalequitas. Bezalel é ferido no braço e grita de dor. Arão avista os inimigos avançando sobre os hebreus. Sem forças, Moisés mal consegue erguer os braços para orar.

Leia também:  Rico e Lázaro | Lior se surpreende com o retorno de Asher à Babilônia
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.