Foto: Arquivo / Seduc
Foto: Arquivo / Seduc

A reforma geral e ampliação da Escola Estadual Adolfo Augusto de Moraes, em Rondonópolis, começará nos próximos dias. A escola, que foi destelhada e sofreu danos após fortes chuvas em julho de 2014, já necessitava de obras na infraestrutura. Serão feitos investimentos de R$ 2.295.336,28 pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc).

A escola Adolfo é a 4ª das 33 unidades estaduais de ensino instaladas em Rondonópolis a receber reparos e melhorias. Ao todo serão investidos R$ 18.611.358,35 milhões nas obras reforma e na construção de mais três novas escolas beneficiando os 25.804 estudantes do município.

Na unidade Adolfo de Moraes, o telhado foi a parte mais atingida durante a tempestade, por isso será realizada a reforma da cobertura e forro da escola. Mas o investimento engloba também outras melhorias no intuito de promover o bem estar à comunidade escolar. Os detalhes dos serviços estão na Concorrência Pública Nº. 001/2015 da Seduc divulgada no Diário Oficial do Estado no dia 6 de novembro.

Leia também:  Concurso da Seduc com 5,7 mil vagas encerra as inscrições nesta terça-feira (15)

Na unidade escolar também será construída uma sala de aula e a cozinha e o refeitório serão ampliados. A reforma geral irá “repaginar” a escola, que possui mais de 20 anos de fundação. Com atenção especial para as instalações elétricas, banheiros e vestiários.

Um sistema de proteção contra descargas atmosféricas SPD e o projeto de prevenção e combate a incêndio e pânico serão instalados, bem como as redes hidrossanitárias, água e esgoto, e de drenagem das águas pluviais. Intervenções para a acessibilidade de Pessoas com Deficiência (PCD) e mobilidade reduzida também estão previstas.

Mais transformações

Entre as unidades de Rondonópolis com obras de reforma estão a Escola Estadual André Maggi, na qual a piscina e o refeitório apresentavam problemas estruturais. O investimento de R$ 331.983,93 garantiu as melhorias que estão em fase final.

Leia também:  Reconstrução da Estrada da Guia será lançada no sábado (16.09)

Mais R$ 74.500,00 são utilizados para a cobertura da quadra poliesportiva na Escola Estadual José Salmen Hanze, e R$ 101.000,00 na reforma do telhado e forro da Escola Estadual Pacheco de Camargo.

A escolas novas terão o padrão de 18 salas e totalizam um investimento de R$ 15.808.539,06. A primeira a ficar pronta é a unidade do Sítio Farias. Nas regiões do Anel Viário e do Loteamento Maria Tereza são construídas as outras duas unidades escolares.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.