Preço dos combústivel nos postos.Foto: Varlei Cordova/AGORAMT
Preço do combustível em um dos Postos da cidade – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

Mesmo com o novo reajuste no Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF) que propõe um aumento maior para preço do etanol em relação a gasolina, abastecer com etanol continua sendo mais vantajoso para o consumidor rondonopolitano. De outubro até o mês de novembro, o preço do etanol aumentou 19% nas bombas dos postos de combustível, passando de R$ 2,09 para R$ 2,49.

O novo aumento no PMPF propõe alta de R$ 0,05 no valor do etanol e um reajuste de R$ 0,03, para gasolina. O reajuste pode começar a valer a partir de hoje, 1º de dezembro.

O valor do preço da gasolina para o consumidor varia de R$ 3,40 a R$ 3,59 em alguns estabelecimentos da cidade. No início do mês de novembro, o valor da gasolina aumentou de R$ 3,19 para R$ 3,42.

Leia também:  Tarifa de pedágio da BR-163 tem desconto a partir desta quarta

Já o valor do etanol, no mês outubro custava R$ 2,09, no início de novembro passou para R$ 2,12 e agora pode ser encontrado pelo valor mínimo de R$ 2,24 podendo chegar a R$ 2,49, nos Postos de Combustíveis pesquisados pela equipe de reportagem do site AGORA MT.

Na capital Cuiabá (215 Km de Rondonópolis) o litro do etanol chegou a R$ 2,79 nas bombas dos postos de combustível nesta segunda-feira (30).

Todo esse incremento já havia sido anunciado pelo setor na semana passada diante alta nas distribuidoras e do novo reajuste no PMPF.

O principal motivo apontado pelos proprietários de postos, além dos custos operacionais, como energia elétrica, impostos, funcionários, entre outros, é o valor pago às distribuidoras.

Leia também:  Entidades se reúnem para discutir o comércio ilegal
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.