Não é de hoje que em Brasília o clima entre o Partido dos Trabalhadores (PT) e a presidente Dilma Rousseff não é dos melhores, mas nos últimos dias os burburinhos de que a chefe do executivo brasileiro pode romper com o seu partido de origem ficou cada vez mais forte.

Acontece que sempre existiu uma conversa de que a presidente queria acabar com a série de desmandos e atos ilícitos de alguns membros da alta cúpula do partido e estes teriam feito de tudo para inviabilizar Dilma e o seu governo. Dizem pelos corredores do Planalto que poucos dos camaradas petistas apoiavam Dilma na sua “luta” contra os desmandos dos aliados de Lula e até jogavam e ainda jogam contra o governo da primeira mulher presidente do país.

Leia também:  Avenida começa a receber lombadas eletrônicas

Eis que agora os rumores do rompimento de Dilma com o PT de Lula e seus amigos está cada vez mais forte, alguns parlamentares e líderes partidários mais próximos a presidente já andam falando que Dilma não só irá romper com o PT de Lula como fará reformas profundas na política e economia, abrindo caminho para um crescimento mais ordenado e bem mais longe da corrupção que se vê hoje no país.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.