Durante fiscalizações nos ônibus do Terminal Rodoviário, realizadas ontem (16), além de outras irregularidades, o Procon e o Conselho Municipal dos Idosos se depararam com uma propaganda falsa sobre a acessibilidade aos portadores de deficiência.

Em muitas empresas de ônibus existe um adesivo que relata que o veículo é adaptado para receber pessoas com deficiência, porém eles não possuem elevador para que os cadeirantes sejam acomodados com mais tranquilidade, entretanto eles têm que enfrentar uma escada para conseguirem chegar até a poltrona.

Sobre a acessibilidade, as empresas apenas reservam algumas cadeiras para que os portadores de necessidades especiais possam sentar.

O presidente do Conselho dos Idosos Lindomar Lemes, relatou que essa é uma propaganda enganosa e eles devem retirar o adesivo ou adaptar os ônibus, “vamos informar a promotoria sobre essa situação, para que eles tomem as medidas necessárias para esse caso”, relatou Lindomar.

Leia também:  Sonho meu

Na Lei 10.098 relata que a obrigatoriedade de possibilitar aos deficientes o direito de acesso, a liberdade de movimento e a circulação com segurança das pessoas :

 Art2- inciso 1:  acessibilidade: possibilidade e condição de alcance para utilização, com segurança e autonomia, dos espaços, mobiliários e equipamentos urbanos, das edificações, dos transportes e dos sistemas e meios de comunicação, por pessoa portadora de deficiência ou com mobilidade reduzida

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.