Em novembro de 2015, o maior número de demissões em Rondonópolis (MT) ocorreu na agropecuária, com 57 pessoas desempregadas. Já a Indústria de Transformação despediu 18 pessoas.  As informações são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Cadeg).

Todo o período do mês de novembro terminou com saldo negativo nas contratações com carteira assinada em Rondonópolis (MT). No total foram 2.220 contratações e 2.227 pessoas demitidas, fechando o período com saldo negativo.

Desde o início de 2015 que a cidade não vem passando por um bom momento no que se diz respeito a geração de emprego e o fechamento dos onze meses do ano resultou em um saldo negativo de 849.

O setor que mais gerou empregos no município durante o mês de novembro foi o de Comércio, com 63 novas vagas. Outro setor que também se destacou na geração de empregos foi o de Serviços, com 28 novas contratações.

Leia também:  Brinquedos e roupas estão em alta na lista de presentes para o Dia das Crianças

Em 2014 o mês de novembro também fechou com saldo negativo. No total, 93 pessoas ficaram desempregadas no período em Rondonópolis (MT). O setor que mais gerou emprego foi o de Comércio com 188 pessoas contratadas. Já o setor de Construção Civil foi o que mais demitiu com 131 pessoas desempregadas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.