Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Mais de 1.300 detentos devem deixar o as unidades do sistema prisional do Distrito Federal neste feriado de fim de ano. Ao todo, 1.326 presos serão beneficiados pelo “saidão” de Ano Novo.

Os internos foram liberados na manhã desta quinta-feira (31) e devem retornar ao cárcere na manhã da próxima segunda-feira (4).

O direito é concedido aos detentos que estejam cumprindo pena em regime carcerário semiaberto e que tenham sido beneficiados cumulativa ou isoladamente com autorização para saídas temporárias, para trabalho externo efetivamente implementado ou para saídas quinzenais – para fins de visitas aos familiares.

Os sentenciados que forem liberados no saídão precisam atender algumas regras para que permaneça em liberdade. Eles não podem praticar crimes, ter faltas graves de comportamento e de conduta, estar fora de casa após as 18 horas, ingerir bebidas alcoólicas, usar drogas e frequentar prostíbulos e bares. Além disso, devem ter comportamento exemplar e manter bom relacionamento com a família.

Leia também:  Mais de 30 bombeiros são presos suspeitos de cobrar propina para emitir alvará

Beneficiários que cometem infrações enquanto estiverem na rua perdem todos os direitos alcançados e a pena do novo crime soma-se a que ele já cumpre.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.