Foto: Solent
Foto: Solent

Uma mulher que encontrou seu marido sem vida após o homem se deitar para dormir, acabou morrendo ao lado dele por não suportar viver sem a presença do amado.

No inquérito Raymond foi encontrado morto coberto com um edredom e Paula Shepherd sua esosa,abraçada a ele no quarto que dividiam, encontrados pela filha.

Um médico legista disse que é provável que Paula tenha entrado em colapso ao ver o corpo do marido já sem vida. Ele disse: “Ela não podia ver um futuro sem ele.”

No tribunal de Portsmouth, no Reino Unido, foi dito que o casal estava casado há 40 anos antes de serem encontrados mortos.

Leia também:  Grande inundação que atingiu os EUA deixa milhares de pessoas desabrigadas

A filha do casal, Alison White,estava em um passeio de dois dias em uma colônia,e quando retornou encontrou seus pais mortos.

A polícia disse que não havia circunstâncias suspeitas e uma autópsia revelou que Raymond tinha morrido de causas naturais. Paula possivelmente viveu mais 12 horas depois que o marido morreu, e possivelmente ela colocou um edredom sobre ele para cobri-lo e o abraçou.

O consultor patologista Basil Purdue disse que não sabe por que a mulher evitou procurar ajuda, mas acredita que ela tenha ficado abalada e confusa.

Ambos foram declarados com mortes por causas naturais.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.