Local onde a vitima ficou caida até a chegada do SAMU - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Local da tentativa de homicídio – Foto : Messias Filho / AGORA MT

O jovem Cleytoinzio Queiroz dos Santos, 28 anos, caminhava pela rua Marinho Franco no bairro Jardim Primavera, em Rondonópolis, quando foi baleado por volta das 17h40 desta terça-feira (05). Ele teria sido surpreendido pelos suspeitos que estavam em um veículo Gol, cor preta. A vítima foi atingida com quatro disparos. Segundo a Polícia Militar (PM), o rapaz era ex-presidiário.

A Polícia Militar (PM) recebeu a informação de uma tentativa de homicídio no Jardim Primavera, ao chegar no bairro encontrou a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência já estava prestando os primeiros atendimentos. Segundo a Polícia foi feito o isolamento no local onde foi possível notar alguns projéteis aparentemente de revólver.

Leia também:  Dupla em uma moto mata jovem na Rodovia do Peixe
Polícia Militar fazendo isolamento do local de tentativa de homicídio - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Polícia Militar fazendo isolamento do local de tentativa de homicídio – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Vizinhos contaram a PM que um veículo Gol com alguns indivíduos, não souberam quantificar, chegaram atirando contra a vítima. Foram ouvidos cerca de oito tiros, em seguida, fugiram sentido ao Jardim Iguassu.
O rapaz foi encaminhado em estado grave para o Hospital Regional após ser atingido, segundo a equipe médica, por quatro tiros, sendo que dois atingiram a cabeça e os demais as pernas.

Vitima de tentativa de homicídio recebendo os primeiros socorros - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Vitima de tentativa de homicídio recebendo os primeiros socorros – Foto : Messias Filho / AGORA MT

O caso ocorreu próximo a residência de Cleytoinzio, ele havia marcado de encontrar com a esposa na esquina da rua de casa. Porém, os criminosos chegaram antes do encontro. Cleytoinzio é ex-presidiário e deixou a penitenciária no mês de dezembro. Ele estava preso pelo crime de tráfico de entorpecentes.

Leia também:  Gerente de loja morre após bater carro em carreta na MT-130

A Politec também esteve no local para os devidos trabalhos. A Polícia Militar (PM) continua as diligências e tentar localizar os suspeitos da tentativa de homicídio.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.