Foto: Ascom
Foto: Ascom

Começam nesta quarta-feira (06), as inscrições para contratação temporária de profissionais para área da educação. As inscrições vão até o dia 20 de janeiro e podem ser feitas na sede da Secretaria Municipal de Educação, nas escolas e nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI), sendo todas isentas de taxas. Os profissionais aprovados irão atuar nas unidades educacionais da rede municipal de ensino e na sede da Secretaria de Educação, conforme descrito no edital, publicado no dia 28 de dezembro, no Diário Oficial de Contas.

O secretário de Educação, Gilberto Figueiredo, esclareceu que as contratações temporárias são necessárias mesmo com concurso público em andamento, “pelo fato do ano letivo iniciar antes da conclusão do processo de posse dos candidatos convocados, ficando eles, temporariamente, sem condições de assumirem seus postos”, explica.

Leia também:  Inscrições para o 'Encontro de Bibliotecas de MT' vão até dia 25 de novembro

As vagas são para professor; Técnico de nível superior (arquiteto, engenheiro civil, engenheiro ambiental e sanitarista e engenheiro eletricista); intérprete e instrutor de libras; Técnico em Manutenção e Infraestrutura (auxiliar de serviços gerais); Técnico em Nutrição Escolar (merendeira); Técnico em Desenvolvimento Infantil e cuidador de aluno com deficiência; Técnico em Multimeios Didáticos e Técnico em Administração Escolar.

O processo de avaliação dos candidatos às vagas de Técnico em nível Superior (arquiteto, engenheiro civil, engenheiro ambiental e sanitarista, engenheiro eletricista) e de intérprete e instrutor de libras será constituída por três etapas, sendo elas: análise documental; prova de conhecimentos específicos para Técnicos de nível superior e entrevista avaliativa realizada pela Equipe de Educação Especial/COC/DE/SME para os intérpretes e instrutor de libras.

Leia também:  Com 63 vagas para professores UFMT abre inscrição nesta segunda (23)

Para classificação o processo será por meio de análise documental -títulos, certificações, documentos pessoais, Instrumento de Avaliação de Desempenho da rede municipal de ensino de Cuiabá, correspondente ao cargo pleiteado do ano de 2014 e 2015. Os candidatos que não participaram do processo de Avaliação de Desempenho, não estarão impedidos de realizar de realizar inscrição.

Quanto à carga horária dos profissionais, os cargos de professor, intérprete e instrutor de libras terão a jornada de trabalho com carga de 10 a 20 horas semanais, de acordo com as necessidades da repartição que for lotado. Os demais cargos terão jornada de 30 horas semanais.

O subsídio do professor e técnicos contratados seguirá a tabela salarial inicial, conforme estabelece a Lei Orgânica dos Profissionais da Educação. A remuneração dos profissionais na função de Intérprete e Instrutor de libras será correspondente à habilitação em Licenciatura Plena ou Ensino Médio Profissionalizante, ambos com o Atesto em Libras ou Prolibras.

Leia também:  Primavera do Leste | MPE denuncia organização criminosa que atuava no ramo imobiliário
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.