As mulheres vítimas de algum tipo de violência e que tiverem sequelas e cicatrizes no corpo poderão fazer cirurgia plástica gratuita na rede pública de saúde em Mato Grosso (MT). De acordo com informações da defensoria pública, a lei que dá direito a uma cirurgia reparadora foi sancionada e irá beneficiar as vítimas de qualquer forma de agressão, inclusive durante assalto.

Ainda conforme a defensoria, a lei que foi sancionada pela presidente Dilma Roussef (PT) em dezembro de 2015, vai beneficiar mulheres que sofreram qualquer forma de violência. As vítimas poderão buscar ajuda do poder público, dos centros médicos, conveniados ao Sistema Único de Saúde (SUS), informando que sofreu uma violência e reparar aquele ato devidamente comprovado através de boletim de ocorrência e laudo de exame de corpo de delito.

Leia também:  Concurso da educação tem a participação de mais de 100 mil pessoas

Caso o hospital negue fazer o procedimento, o estabelecimento poderá ser multado e penalizado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.