Depois de fazer uma oferta (quase) irrecusável para Elias, o Hebei China Fortune está interessado em outro atleta: Paulo Henrique Ganso, do São Paulo. O primeiro contato com os representantes do jogador foi feito há cerca de três semanas. Começou com uma sondagem sobre o interesse em jogar na China. As conversas devem ser retomadas neste final de semana.

O São Paulo não foi procurado. “Não temos nada”, disse o diretor executivo de futebol Gustavo Vieira de Oliveira.

O clube brasileiro tem contrato com Ganso até setembro de 2017. Em março do mesmo ano, o jogador poderá assinar pré-contrato com outra equipe. Para os dirigentes do São Paulo, Paulo Henrique é jogador importante no elenco que perdeu Rogério Ceni, Luis Fabiano e Alexandre Pato. O clube já recusou uma proposta de R$ 19 milhões, feita no ano passado pelo Orlando City. O clube norte-americano colocou na conta cinco milhões de reais mais o que ele alega ser uma dívida do São Paulo, de 13,8 milhões. Os tricolores não reconhecem este débito. E não vendem Ganso por menos do que R$ 20 milhões.

Leia também:  Diretoria do União deve apresentar equipe dia 14

O Hebei é um dos novos times da primeira divisão do Campeonato Chinês. A cidade do clube, Qinhuangdao, fica no nordeste do país, na província de Hebei, numa região portuária. Na China, o time atende pelo nome de Hebei CFFC.

O volante/meia Elias foi o primeiro jogador a ser procurado pelo Hebei. Não mostrou muita vontade de aceitar o convite milionário. Está sendo procurado agora pelo Tianjin Quanjian, time dirigido pelo técnico Vanderlei Luxemburgo. O treinador brasileiro avisou que tem ainda uma vaga para ser preenchida e vai atrás de mais um brazuca.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.