Muitos de nós conseguiríamos sobreviver comendo menos doces. Só que, em média, as pessoas estão ingerindo três vezes mais açúcar do que o que é recomendado por dia — mais ou menos 30 gramas ou sete colheres de chá. Essa obsessão pelo doce tem sido associada à obesidade e à diabetes, mas há outros malefícios do açúcar que a maioria das pessoas ainda não conhece:

Prejudica a pele

A ingestão de açúcar estimula o aparecimento de acnes, uma vez que aumenta a oleosidade da pele. Os alimentos com alto índice glicêmico são absorvidos rapidamente pela corrente sanguínea e produz mais hormônios que secretam as sebáceas. Além disso, eles também provocam manchas na pele

Leia também:  Famílias do DF são autorizadas plantar maconha para cura de doenças

Estimula o envelhecimento

Comer muito açúcar não vai apenas estimular o aparecimento de espinhas, mas também vai fazer as rugas aparecerem. Um estudo feito pela Universidade Leiden, na Holanda, descobriu que as pessoas com alto nível de glicose no sangue parecem mais velhas do que as que ingerem menos açúcar

Afeta o sono

A dieta tem uma grande influência no sono e nos níveis de energia. Um estudo de 2016 descobriu que o açúcar e a gordura saturada fazem com que a pessoa fique mais suscetível a ter uma noite agitada. Alimentos com fibra, no entanto, ajudam a ter uma noite de sono calmo e profundo4. Faz mal para o coração

Assim como o sal faz mal para o coração, pesquisas descobriram que o açúcar pode causar pressão alta e hipertensão. Quem consome 25% mais calorias vindas de açúcares tem três vezes mais chance de ter doenças cardiovasculares

Leia também:  Professor é preso suspeito de estuprar crianças e adolescente em MS

Altera constantemente o estado de humor

O açúcar pode causar picos e quedas nos níveis de glicose no sangue, fazendo com que a pessoa se sinta mais ansiosa, irritada e mal-humorada. Um estudo feito com mulheres que estão na pós-menopausa descobriu que a substância estava mesmo ligada ao desenvolvimento de depressão

Provoca perda de memória

Cortar o açúcar da alimentação pode ser bom para a memória. Um estudo feito pela UCLA (Universidade da Califórnia em Los Angeles) descobriu que dietas repletas de açúcar afetam as funções cerebrais

Contribui para o ganho de peso

Considerando-se que uma única lata de refrigerante pode conter mais açúcar do que a dose diária recomendada, é fácil perceber a relação entre a substância e o ganho de peso. Quando a pessoa ingere muito açúcar, a maior parte da frutose é metabolizada pelo fígado e transformada em gordura

Leia também:  Sem alimentação adequada em escola, aluno de 8 anos desmaia de fome
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.