Suspeitos de assalto presos pela Polícia Militar - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Suspeitos de assalto presos pela Polícia Militar – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Uma quadrilha invadiu e roubou um sítio, localizado no ‘Pontal Areia’, zona rural de Rondonópolis (MT), na madrugada desta terça-feira (19), por volta de 1h40. Robert Herycles Sabino Azevedo, 20 anos, e  Feliphi Shangi de Souza, 23 anos foram detidos pela Polícia Militar (PM), acusados de participarem do crime. A vítima, dono da propriedade, um idoso de 71 anos, é avô do indivíduo Feliphi, conforme a PM.

De acordo com informações, quatro indivíduos em duas motocicletas e em posse de arma de fogo renderam o proprietário do sítio e o amarraram com um fio em uma cama do quarto de hóspedes.

F 4000 recuperada pela Polícia Militar - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Objetos recuperados pela Polícia Militar – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Durante o processo, os infratores subtraíram um veículo Pick-up Strada de cor prata, uma geladeira, um freezer, uma televisão e diversos outros bens e fugiram para Rondonópolis.

Leia também:  Líder de quadrilha foragida é presa em Goiás
Veiculo da Vitima recuperado pela Polícia Militar - Foto : Messias Filho /AGORA MT
Veículo da Vítima recuperado pela Polícia Militar – Foto : Messias Filho /AGORA MT

Diante da informação, a guarnição deslocou para MT – 270 sentido Guiratinga, sendo que na curva para entrada do ‘Pontal da Areia’ a polícia deparou com o veículo com os objetos roubados e duas motocicletas deslocando-se sentido Rondonópolis.

A PM fez o retorno e iniciou o acompanhamento, realizando a detenção do suspeito Robert que estava conduzindo uma motocicleta Fan 125, cor preta, placa JZF-0024, utilizada no referido roubo, onde na tentativa de evadir da guarnição, caiu de sua moto vindo a se lesionar.

Em seguida, foi pedido o reforço de outra guarnição para que viessem de encontro com os demais suspeitos que fugiam em direção a Rondonópolis. Diante dos fatos, foi realizada uma barreira na baixada do ‘Bajara’ pela PM que visualizou o veículo roubado e utilizaram de sinais para determinar a parada dos suspeitos. Entretanto, tal determinação não foi obedecida, sendo que os suspeitos lançaram a Pick-Up em direção da guarnição e fugiram.

Leia também:  Sete ficam feridos após carro bater em poste e capotar durante a madrugada em Porto Alegre
Simulacro de arma de fogo apreendido pela policia - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Simulacro de arma de fogo apreendido pela polícia – Foto : Messias Filho / AGORA MT

A polícia continuou realizando o acompanhamento. Como não estavam obedecendo a ordem de parada, foram realizados disparos de arma de fogo nos pneus do veículo, que vieram a estourar.

Mesmo assim, os suspeitos continuaram empreendendo fuga. Os indivíduos fugiram e adentraram no bairro Jardim Atlântico, abandonaram o carro na lateral de uma escola e fugiram a pé.

Diante dos fatos, as guarnições realizaram o acompanhamento a pé onde os suspeitos adentraram em um matagal sendo imediatamente realizado o cerco e a varredura do perímetro. Os suspeitos pularam muros e cercas e adentraram nos quintais das residências da região.

A PM recebeu a informação de que o suspeito Feliphi estava em cima do telhado de uma das casas. A PM foi ao local e o suspeito tentou fugir novamente, mas caiu da referida superfície, vindo a se machucar, momento em que foi detido.

Leia também:  Comércio é invadido e suspeitos fogem com aproximadamente R$ 25 mil

A arma de fogo utilizada no crime tratava-se de um simulacro, que foi localizado dentro do veículo roubado.

Os suspeitos foram conduzidos à 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP) com lesões na cabeça provenientes das quedas, tendo recebido os devidos atendimentos médicos.

Os conduzidos informaram que os dois suspeitos que evadiram do local tratam-se do vulgo ‘pretinho’ e ‘mineirinho’.

As informações constam em registro no Boletim de Ocorrência (BO).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.