Adriano Imperador não atua profissionalmente desde o dia 8 de abril de 2014. Na ocasião, o atacante defendia seu último clube, o Atlético-PR, e apesar de balançar as redes, acabou eliminado da Taça Libertadores com o Rubro-Negro, ao ser derrotado pelo The Strongest-BOL, por 2 a 1. Após o revés, o jogador enfrentou alguns problemas, teve seu contrato rescindido e desde então não pisou mais nos gramados. Apesar disso, seu nome não deixou o noticiário, por conta das polêmicas que tem se envolvido.

Entretanto, o período sem atuar e os recentes problemas não tem impedido que o nome de Adriano seja especulado em diversos clubes e alvo de cobiça de algumas torcidas. Na última quarta-feira (13), depois do Cruzeiro-RS confirmar que tem interesse no atacante, foi a vez de torcedores do Náutico se manifestarem. Os alvirrubros criaram um abaixo-assinado e pedem a contratação do jogador. Apesar do desejo da torcida em ter Adriano Imperador no Timbu, a diretoria do Náutico encara a especulação apenas como uma brincadeira inflada pelas redes sociais.

Leia também:  União vai enfrentar o Dom Bosco na Arena pelo Sub-19

Não é a primeira vez que uma torcida se manifesta nas redes sociais pedindo a contratação de Adriano Imperador por meio de abaixo-assinados. Anteriormente, torcedores do Flamengo e do Tupi-MG, criaram as listas com assinaturas solicitando a negociação do jogador.

A última grande transferência envolvendo o atacante foi uma transferência para o Le Havre-FRA. O artilheiro ficou perto de acertar sua ida para a equipe francesa, mas por problemas financeiros, as tratativas acabaram não evoluindo. Recentemente, Adriano Imperador também teve seu nome vinculado em um torneio de futebol amador, que acontecerá no Rio de Janeiro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.