Foto: Assessoria
Agente de saúde e epidemiológicos – Foto: Assessoria

O município de Dom Aquino começou a fazer o dever de casa bem antes do Dia “D” da mobilização nacional, onde já vem acontecendo as ações de prevenção contra o mosquito Aedes Aegypti há duas semanas. Na linha de frente estão sete equipes formadas por Agentes Comunitários de Saúde, Agente de Combate a Endemias e ajudantes de serviços gerais.

Segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde, dos 4.189 imóveis localizados no perímetro urbano do município, 4.014 receberam a visita das equipes de combate com auxilio na limpeza do lixo que acumulam água, informações sobre as doenças, tratamento químico quando necessário e na oportunidade os agentes informaram sobre a importância de estar procurando sua unidade do Programa de Saúde da Família (PSF) para avaliação dos sintomas e, se for o caso, notificação da doença ou suspeita pela Vigilância Epidemiológica.

Durante essas 15 dias em 230 imóveis foram detectados focos do mosquito Aedes, dos quais 73 receberam a notificação da Vigilância Sanitária, devido à péssima situação encontrada. Dos 175 imóveis que estavam fechados, 16 foram recuperados, ou seja, as equipes voltaram em outro dia para realizarem a ação.

Leia também:  Excesso de velocidade é uma das principais causas de acidentes em Mato Grosso

No Sistema de Informação de Agravos e Notificação (SINAN) onde são registrados os casos desses agravos, Dom Aquino tem poucos casos registrados. Em 2015, 14 casos de Dengue, 43 de Zika Vírus e nenhum Chikungunya.
De acordo com a coordenadora da Atenção Básica de Saúde, enfermeira Neusa Conceição Souza, isso indica que as pessoas adquirem o vírus, desenvolvem a doença tipicamente (ou não, porque os episódios podem ser assintomáticos), mas não procuram seu PSF e por isso seu caso não é registrado nem no sistema, nem no prontuário do paciente.

“Ao se cuidar sem o auxílio do PSF e sem a notificação epidemiológica no sistema o indivíduo contribui para uma disseminação maior dos agravos, podendo haver prejuízo futuramente, pois é um vírus novo por aqui e a ciência ainda não sabe até onde pode chegar a sua gravidade e por quanto tempo ele pode continuar prejudicando a pessoa. Se o caso estiver anotado no prontuário será um ponto a ser considerado em outros diagnósticos”, explica a enfermeira.

Leia também:  Inscrições para curso gratuito preparatório para o Enem são prorrogadas em MT

A Prefeitura de Dom Aquino através da Secretaria Municipal de Saúde parabeniza e agradecem a todos que estão vestindo a camisa, contribuindo para esses excelentes resultados, já sabendo que esse trabalho de qualidade precisa ser continuo. Para boa parte da população essas ações podem parecer insignificantes, impróprias, invasivas, desnecessárias, insultantes, entre outros adjetivos que nossas equipes ouviram e sentiram na pele. Mas nós da área da saúde, temos plena convicção que o resultado virá.

Parceiros na luta contra o mosquito Aedes Aegypti : Prefeitura Municipal de Saúde, prefeito Josair Lopes, secretário Valdécio Luiz da Costa, coordenação da Atenção Básica Neusa Souza, Vigilância Ambiental, Vigilância Sanitária, Vigilância Epidemiológica, Equipes de Saúde da Família 01, 02 e 03, Centro de Saúde, Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF, Educação em Saúde, Saúde Bucal, Centro de Processamento de Dados, Nutrição, Centro de Reabilitação, Laboratório Municipal, Escritório Regional de Saúde de Rondonópolis, Hospital Bom Jesus, Secretaria de Obras, Água Puríssima, Governo do Estado e Ministério da Saúde.

Leia também:  Sistema de Identificação civil será normalizado nesta quarta-feira

Capacitação

Entre as preparações para ir ao combate do vetor de transmissão da Dengue, Zica e Chincungunya, a equipe da Secretaria Municipal de Saúde contou com uma capacitação ministrada pelos técnicos do Escritório Regional de Saúde de Rondonópolis.

Entre os participantes estavam a equipe de Saúde, Poder Judiciário, Executivo e Legislativo, Conselho Municipal de Saúde, Polícia Militar, Água Puríssima, sociedade civil e demais secretaria.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.