Uma comitiva de empresários embarcaram nesta quarta-feira (24) para Cuiabá para participar da Audiência Pública, na Assembleia Legislativa que discutirá com industriais e comerciantes o Decreto 380, publicado em 30 de dezembro de 2015 que passará a vigorar em 1º de abril.

A reclamação dos empresários é que com as novas normas haverá aumento de ICMS para as empresas e também alteração no controle de estoque e modificações no sistema de controle interno (fluxo, códigos e alíquotas).

As discussões com o Governo do Estado através da SEFAZ sobre a aplicação das novas regras acontecem desde janeiro e a classe empresarial teme que o impacto social seja grande com desemprego e aumento no preço dos produtos para o consumidor.

Leia também:  Desfile de 7 de setembro conta com mais de 10 mil pessoas
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.