Foto: assessoria
Foto: assessoria

Por deliberação da Executiva Nacional, o diretório do PV de Mato Grosso lançará candidatura própria à prefeitura de Chapada dos Guimarães, um dos municípios elencados como estratégicos para a sigla e já posta no nome de Odette Trechaud como pré-candidata.

Isso porque, entre seus quadros, o partido prioriza nomes conectados, não apenas à ideologia do Partido Verde – que no início deste ano completou 30 anos de sua criação – mas também às necessidades regionais.

Militante da sigla há mais de 15 anos, tem se destacado por sua atuação na defesa dos interesses do Município.

“Ela é presidente da Associação de Moradores do Bairro Bom Clima e participou ativamente na elaboração de projetos que já se convertem em resultados, além de acumular experiência à frente de gestões inovadoras na iniciativa privada e também na condução cuidadosa da vida doméstica”, disse o presidente regional do PV, José Roberto Stopa.

Leia também:  Vereador garante novo modelo de colete para mototaxistas

Empresária e mãe de cinco filhos, Odette diz que buscou há 16 anos em Chapada dos Guimarães o refúgio que muitas pessoas buscam na construção de um lar.

“Escolhi viver neste município por ser um local aconchegante, com pessoas receptivas, mas me entristeço ao caminhar pelas ruas do município e perceber que, assim como eu, os chapadenses se ressentem ao ver que a cidade não acompanhou o mesmo ritmo de desenvolvimento dos demais municípios da Baixada Cuiabana”, afirmou Odette.

O PV acredita que a indicação de Odette para disputar a prefeitura de Chapada dos Guimarães surge como uma evolução natural da demanda da população em meio ao próprio trabalho já desenvolvido.

Leia também:  Câmara concede Moção de Aplauso à Escola Carlos Pereira Barbosa

Durante a militância, Odette conheceu os caminhos para a realização de projetos junto aos governos estadual e federal, mas principalmente, os anseios dos moradores e a busca de soluções eficazes para as famílias que vivem em Chapada dos Guimarães.

Após uma série de gestões turbulentas, mais do que nunca, os chapadenses buscam na administração municipal o cuidado de quem procura na cidade onde vive, um verdadeiro lar.

“O que a gente percebe é que as pessoas não estão satisfeitas e sabemos que nós, chapadenses, podemos e merecemos mais do que temos hoje. Ao longo desses últimos anos vimos todas as cidades crescerem ao nosso redor, mas não acompanhamos esse desenvolvimento. Chapada dos Guimarães não é só um ponto turístico, é a residência de muitas famílias e precisa dar a elas o que precisam para chamar de lar”, destacou a pré-candidata.

Leia também:  Presidente da Coder atende pleito do vereador Orestes e anuncia retomada de obras em PSF no Jardim Morumbi
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.