O Santos divulgou uma nota oficial para negar que tenha retirado o nome de Robinho da galeria de ídolos do site oficial do clube. Na noite desta quinta-feira, horas depois de o atacante ser anunciado como reforço do Atlético Mineiro, Robinho desapareceu do site e reapareceu minutos depois.

O clube desconfia da ação de um hacker, pois diversos torcedores demonstraram insatisfação com a ida do jogador para Minas Gerais. O Santos tentou contratar Robinho, mas não chegou a um acordo financeiro.

Perfil de Robinho aparece na lista de ídolos publicada no site oficial do Santos
Perfil de Robinho aparece na lista de ídolos publicada no site oficial do Santos

“O Santos Futebol Clube, reconhecido como time que mais prestigia e relembra seus ídolos eternos, informa que jamais tiraria o atacante Robinho de sua galeria por qualquer motivo. Ainda mais no mesmo dia que reforçou sua posição de ídolo, quando anunciou a desistência da sua contratação, por outros motivos, já citados no comunicado. O clube já está averiguando as possíveis causas deste ocorrido para tomar as devidas providências”, afirma a íntegra da nota oficial.

Leia também:  Pesso chega e começa a montar o União

Essa não foi a única reação negativa diante da recusa do ídolo em voltar à Vila Belmiro. Duas imagens do atacante, ilustradas no muro do CT Rei Pelé, em Santos, foram pichadas na madrugada desta sexta-feira. O rosto do jogador foi coberto com tinta. Além disso, uma faixa com a palavra “Mercenário” foi estendida no local onde Robinho pratica futevôlei, na cidade litorânea.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.