Um soldado indiano foi encontrado e resgatado com vida seis dias após ser soterrado por uma avalanche na região do Himalaia, na Caxemira. Ele era um dos dez soldados que patrulhavam o Glaciar de Siachen, de mais de 5.000 metros de altitude.

Foto: INDIAN DEFENCE MINISTRY / AFP
Foto: INDIAN DEFENCE MINISTRY / AFP

“Na operação em curso em Siachen, um dos dez soldados sepultados (…) foi encontrado com vida”, informou nesta segunda-feira o general D.S. Hooda. Em um comunicado, o general Hooda acrescentou que os outros desaparecidos foram encontrados mortos.

Identificado como Lance Naik Hanamanthappa, o soldado resgatado se encontra em estado crítico. As autoridades tentarão retirá-lo da montanha na terça de manhã para ser tratado em um hospital de Nova Délhi.
Segundo a imprensa local, o soldado foi encontrado debaixo de uma camada de pelo menos oito metros de neve, a uma altitude de 5.900 metros.

Leia também:  Vírus da zika pode matar células de tumor cerebral

“Esperamos que o milagre continue”, completou a nota.
As tropas indianas patrulham o Glaciar de Siachen, conhecido como o campo de batalha mais alto do mundo, na região da Caxemira. A soberania desse território é disputada por Índia e Paquistão.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.