Trabalho da Politec homicídio Bairro Vila Rica - Foto:Você Repórter
Trabalho da Politec homicídio Bairro Vila Rica – Foto:Você Repórter

O ultimo participante de um crime de homicídio foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de quarta-feira (03), no município de Rondonópolis (212 km ao Sul), durante cumprimento de mandado de prisão preventiva, decretado pelos crimes de homicídio qualificado e associação criminosa.

A ação foi realizada pela equipe de policiais civis da Divisão de Crimes Contra a Pessoa, da 1ª Delegacia de Polícia, e está inserida na operação “Carga Máxima” desencadeada pela Secretaria de Segurança Pública em todo Estado para o combate à criminalidade.

O suspeito, Alex Mendonça Soares, 29, é acusado de participar do crime ocorrido no dia 23 de agosto de 2015, no “Bar Ponto G”, no bairro Vila Rica. Na ocasião, a vítima A.A.F jogava uma partida de bilhar, quando foi abordada por quatro homens, e sem conseguir se defender foi brutalmente assassinada.

Leia também:  Motorista se joga debaixo de carreta estacionada para não ser atropelado na Dom Wunibaldo
Vitima de homicidio Bairro Vila Rica - Foto:você Reporter
Vitima de homicídio Bairro Vila Rica – Foto:você Repórter

Todos dos envolvidos foram identificados nas investigações da Polícia Civil. Os suspeitos Bruno Henrique de Lara, 28, Tassio Rodrigues Carvalho, 24, e Ronaldo Augusto de Carvalho, 21, foram presos no início deste ano.

Conforme a delegada de polícia que presidiu o inquérito policial, Karla Cristina Peixoto Ferraz, com a prisão de Alex encerra-se a investigação do homicídio em questão. “Os suspeitos foram indiciados pelos crimes de homicídio qualificado e formação de quadrilha”, disse a delegada.

Alex Mendonça foi encontrado no centro de Rondonópolis. Ele teve a ordem judicial de prisão expedida pela 2ª Vara Criminal da Comarca local. Depois de interrogado ele foi encaminhado ao Presídio da Mata Grande, à disposição da Justiça.

Leia também:  Após roubar pizzaria, ladrões se envolvem em acidente e fogem a pé
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.