Por Maria Augusta Ribeiro

As empresas de todo mundo já perceberam que não é mais possível engajar seu público utilizando somente whatsapp, Facebook e instagram. E todos se perguntam se uma nova mídia social é possível.

A alteração de comportamento do consumidor nas redes esta criando desafios dramáticos para as estratégias de distribuição de conteúdo e modelo de negócios que foram criados a partir de uma mídia social que não se sustenta mais.

Lógico! O mundo muda e com ele o ambiente digital, certo? Mas, dessa vez, a Internet está sendo alterada bem debaixo do nosso narize de forma quase imperceptível.

Mudanças em ferramentas do google, atualizações no instagram e o anuncio de parcerias que pretendem ter 16 bilhões de pessoas conectadas ao Facebook ate 2030 nao param por ai.

Leia também:  Não se aposente da vida

E se novas redes sociais se tornassem mais populares que Facebook ouTwiiter?

Enquanto corporações digitais do mundo todo tentam criar novas estratégias para atingir seu público alvo, o que podemos aprender com eles para ser populares é que a inovação esta muito além da tecnologia.

O Facebook, por exemplo, tem foco em construir ferramentas simples que são uteis  para que outros aplicativos consigam funcionar dentro do seu ambiente. Com isso traz o público para dentro de sua empresa, e não batendo na porta de cada um.

Podemos aprender com as mídias sociais que não importa qual rede utilize, ela sempre estará  mudando porque nós mudamos. E se e não se adaptar, poderá estar entregando seu produto, serviço ou informação para a pessoa errada e de graça.

Leia também:  As crianças e a Mãe de Jesus

Maria Augusta Ribeiro escreve para o Belicosa.com.br é Coordenadora de Comunicação da BPW América Latina

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.