Egídio Duque pode ter morrido ao bater com a cabeça no canteiro central da rodovia - Foto: Ricardo Costa / AGORA MT
Egídio Duque pode ter morrido ao bater com a cabeça no canteiro central da rodovia – Foto: Ricardo Costa / AGORA MT

Identidade de Egídio Duque NogueiraEgídio Duque Nogueira, 52 anos, morreu na BR-364 na volta para casa depois de um dia de trabalho, na noite dessa quinta-feira (03), em Rondonópolis (MT). Segundo testemunhas, há  50 metros do Rio Vermelho o homem caiu no chão depois de perder o controle da bicicleta que tocou em uma carreta.

O pedreiro estava trabalhando em uma obra no Parque Universitário e na volta para sua casa localizada no bairro Maria Vetorasso sofreu a queda. Testemunhas afirmaram que uma carreta caçamba esbarrou na bicicleta de Egídio que caiu na rodovia e bateu a cabeça no canteiro central da pista.

Uma ambulância da Rota do Oeste esteve no local para prestar o socorro, mas a vítima já tinha vindo a óbito.

Leia também:  Vítima é amarrada durante roubo a residência na zona rural

A Polícia Rodoviária Federal esteve no local, e a Polícia Técnica-científica (Politec) para realizar a perícia, enquanto isso a pista está com trânsito em meia pista e só será liberada após a conclusão do trabalho da Politec.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.