Foto: Wilson Kishi / ZakiNews
Igreja em Cáceres  – Foto: Wilson Kishi / ZakiNews

Prestes a lançar o edital para a construção da estrutura física para o funcionamento da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), o governador Pedro Taques destacou o trabalho da gestão para o desenvolvimento da maior cidade da região Oeste de Mato Grosso. O maior destaque é a ligação de Cáceres à região Médio-Norte, através da MT-343, que tem obras em três trechos.

A obra que ligará o Oeste ao Médio-Norte é construída em três trechos. O primeiro corresponde a 24,6 quilômetros e está sob responsabilidade da H.L. Construtora. O segundo de 64,4 km após Vila Aparecida é da empreiteira E.H.L. Já a último, de 30,88 quilômetros, estará a encargo da T.C.O. A previsão é que as obras tenham início no mês de maio e terminem até 2017.

Segundo o governador, obras também são realizadas na educação. Uma nova escola está em construção e a Escola Estadual Ana Maria vai ganhar uma nova quadra e passa por reforma. A escola União e Força, visitada por Taques no ano passado também ganhou novo transformador para o correto funcionamento dos aparelhos de ar-condicionado.

Leia também:  Detran paralisa atividades por 24h em Mato Grosso nesta quinta-feira (17)

Taques destaca também os feitos da gestão para a segurança. Conta que no ano passado, a Polícia Militar da cidade recebeu 26 homens e neste ano o incremento foi de 29 novos PMs. Além disso, houve um reforço de mais seis motocicletas CC 300 XRE, um Fiat Palio Weekend, uma Mitsubishi Pajero TR4 e dois reboques.

Outras áreas

O Governo do Estado também trabalha em outras áreas no município. A Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), por exemplo, destinou parte dos R$ 20 milhões advindos de um acordo com o Judiciário para reformar unidades socioeducativas de Mato Grosso.

A Sejudh reformou o muro e o hall de entrada da cadeia pública da cidade. O Governo também mantém um Centro de Referências em Direitos Humanos (CRDH), o único no interior do estado. Apesar das dificuldades financeiras enfrentadas pela atual gestão, o atendimento na unidade continua.

Leia também:  Ministério Público de Mato Grosso é o mais premiado do país

No campo ambiental, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), trabalha com diálogo. Encontros públicos foram feitos com pescadores e também com o setor produtivo. Até junho, novos encontros serão realizadas, desta vez, com os produtores da agricultura familiar.

Ainda na questão ambiental, que é de suma importância para Cáceres, por atrair milhares de turistas anualmente com seus roteiros de turismo ecológico, o governo, junto com parceiros investe no reflorestamento das nascentes e na educação ambiental.

Para melhor atendimento, a Sema de Cáceres funciona em uma sede alugada, em condições melhores que a estrutura do prédio anterior. Neste ano, a equipe recebeu duas novas caminhonetes para realizar suas atividades. A regional trabalha com uma meta de receber neste ano cerca 260 acadêmicos de Biologia, Agronomia, Geografia e Engenharia Florestal para passar por um estágio não remunerado de 20h. O objetivo é que os estudantes conheçam as atividades da secretaria e acompanhem o dia a dia dos analistas no manuseio de GPS, na análise de processos, por exemplo.

Leia também:  Jovens encontram na educação inspiração para serem atletas
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.