Bancada com autoridades e pré candidatos - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Bancada com autoridades e pré candidatos – Foto : Messias Filho / AGORA MT

O Partido Social Democrático (PSD), que vem alcançando um grande número de filiados em todo o estado, realizou na noite desta sexta-feira (15), o 5º Encontro Estadual em Rondonópolis. O senador José Medeiros, recém filiado ao partido, esteve presente.

Para o senador, este é um ato muito importante para Rondonópolis, com a presença de militantes de todo o estado, principalmente neste momento delicado em que vive o Brasil. Ainda segundo ele, este é momento de fortalecer o partido e trabalhar por um estado e um Brasil melhor.

O vice-governador e presidente estadual do PSD, Carlos Fávaro disse estar muito feliz em voltar a Rondonópolis e ver como as lideranças e o partido têm crescido na Região Sul. Ele ainda atribuiu o crescimento do partido a nova forma de fazer política, com diálogo e abrindo espaço a pessoas de bem que queiram trabalhar com honestidade e diretamente com o povo.

Leia também:  Lei para desenvolvimento de startups é sancionada em Rondonópolis
Ibrahim Zaher pré candidato a prefeito - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Ibrahim Zaher pré candidato a prefeito – Foto : Messias Filho / AGORA MT

O vereador Ibrahim Zaher (PSD), que é o pré-candidato do partido à Prefeitura de Rondonópolis, afirmou que a missão do partido é transformar a política de um modo que ela atenda a população e quando o nome dele foi colocado como pré-candidato ele disse que se fosse um projeto do partido estava disposto a enfrentar a luta e trabalhar para o melhor da cidade.

Questionado sobre o possível mal-estar que pode acontecer após o conflito entre o prefeito Percival Muniz (PPS), do qual ele é líder na Câmara Municipal, e o presidente estadual do partido, Carlos Fávaro (PSD), Ibrahim afirmou que irá conversar internamento com o partido sobre a continuação ou não como líder na Casa, mas que desde o início deixou isso a disposição do prefeito e que sempre debateu em cima de ideais, mesmo que isso fosse contra o prefeito.

Leia também:  Temer comete "gafe" se referindo ao país de Paraguai por Portugal na frente de presidente paraguaio
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.