O Cuiabá Arsenal começa a temporada 2016 em jogo contra o Tangará Taurus, no próximo sábado(16), às 15h, com ingressos ao preço de dez reais, pela 2ª edição do Campeonato Mato-grossense de Futebol Americano, no Estádio Municipal Mané Garrincha, em Tangará da Serra (240 km de Cuiabá – MT). A competição também conta com a participação das equipes do Sinop Coyotes, Rondonópolis Hawks e Sorriso Hornets.

O campeão do estadual do ano passado foi o Cuiabá Arsenal. Seguido pelo vice-campeão Sinop Coyotes, Sorriso Hornets (em 3º lugar), Rondonópolis Hawks (4º) e Tangará Taurus (na 5ª posição). Arsenal e Taurus não se enfrentaram na primeira edição da competição, mas o time tangaraense teve duas derrotas, uma contra o Sinop Coyotes com placar de 72 a zero e outra contra o Sorriso Hornets por 46 a dois. Campanha que a equipe quer superar neste ano.

Leia também:  Grupo define primeiras ações para retomada dos hospitais regionais

O Cuiabá Arsenal disputou três partidas no estadual de 2015. Foram duas vitórias em cima do Rondonópolis Hawks, uma com placar de 21 a zero dentro do estádio Dutrinha, em Cuiabá, e outra por 35 a 13 no estádio Luthero Lopes, em Rondonópolis, ambas pela etapa classificatória do certame. E teve um confronto contra o Sinop Coyotes na final, no estádio Gigante do Norte, em Sinop, com placar de 40 a 8. O Cuiabá Arsenal levou o título com campanha invicta.

De acordo com o presidente da Associação Atlética Cuiabá Arsenal (AACA), Paulo Cesar Machado, após o período de recesso do fim de 2015 e início de 2016, a equipe retornou aos treinos já no mês de fevereiro e, de lá para cá, manteve uma agenda com quatro dias de treinos por semana, toda terça, quinta, sábado e domingo. Mais a preparação física diária (musculação) realizada em academias. E, segundo ele, ainda alguns treinos extras para estudo de estratégias.

Leia também:  População define infraestrutura como prioridade nos debates da LDO

“Nossos jogadores possuem uma rotina intensa de preparação. Fazem treinamentos diários em academias de musculação, como em nossa parceira Phídias Cooperfitness, também treinam quatro vezes por semana em campo, com exercícios para melhorar o desempenho físico e drills para aprimorar a técnica, tomam suplementação alimentar e fazem capacitações, como estudo de estratégia, vídeos e livro de jogadas”, conta Paulo.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.