Mais de vinte aparelhos celulares roubados ou furtados foram recuperados pela Polícia Judiciária Civil, na primeira fase da operação ZUG, deflagrada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Rondonópolis (212 km ao Sul). O trabalho integra a operação da Secretaria de Segurança Pública, Carga Máxima, deflagrada para combater a criminalidade em todo Estado de Mato Grosso.

A operação ZUG, foi deflagrada no mês de janeiro, com objetivo de reprimir a prática de crimes de roubos de celulares na cidade, buscando a identificação dos autores e também a recuperação dos aparelhos. O nome da operação faz alusão a primeira empresa de telefonia móvel, fundada na Alemanha em 1925.

Durante todo trabalho desenvolvido pela equipe de investigação da Derf, 22 aparelhos celulares foram recuperados, resultando na autuação em flagrante de todos os receptadores. Um das vítimas que teve o celular recuperado pelos policiais, contou que trafegava em sua motocicleta pela Avenida Brasil quando dois homens em outra motocicleta passaram do seu lado e um dos ocupantes puxou o celular que estava em seu bolso.

Leia também:  Fazenda em Poxoréu | Quatro suspeitos são presos em Rondonópolis

Segundo o delegado da Derf, Daniel Rozão Vendramel, o resultado da operação é fruto do empenho e dedicação dos investigadores e escrivães da delegacia, que formaram uma verdadeira equipe de combate a criminalidade. “A operação promoveu o caráter motivacional de toda equipe, em ver a satisfação e o agradecimento das vítimas que depois de reaverem seus bens, estimulavam os policiais se empenharem ainda mais”, destacou.

“A segunda fase da operação tem início marcado para esta semana, com a expectativa de que os resultados sejam ainda melhores, contatando com a colaboração de toda sociedade de Rondonópolis, através de denúncias”, disse o delegado

As denúncias anônimas podem ser realizadas através do número da Polícia Civil 197 ou pelo aplicativo WhatsApp, no número (66) 9725-0197.

Leia também:  Acusado de matar homem com 25 facadas tem mandado de prisão cumprida em MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.