Momento que suspeito de estupro chegou a 1º delegacia - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Momento que o suspeito de estupro chegou a 1ª delegacia – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Um homem identificado como Osvaldo Antônio Ferreira Santiago, 44 anos, foi preso acusado de invadir uma residência particular e estuprar uma jovem de 20 anos no Jardim Europa, na tarde desta segunda-feira (11), em Rondonópolis (MT). Ele foi reconhecido pela vítima.

Bicicleta do suspeito de estupro apreendida pela polícia - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Bicicleta do suspeito de estupro apreendida pela polícia – Foto : Messias Filho / AGORA MT

A jovem informou em depoimento à polícia que por volta das 14h saiu de casa para ir ao mercado e ao retornar percebeu que estava sendo perseguida por um homem em uma bicicleta de cor preta. O suspeito chegou a abordar a vítima dizendo “para ou eu vou dar uma facada em você”, no momento a jovem conseguiu correr até a casa de um vizinho e esperou o suspeito ir embora.

Leia também:  Após fazer buraco em muro, quadrilha invade casa e aterroriza família

Ainda em depoimento, a vítima informou que horas após, estava sozinha em casa e ouviu um barulho, e quando olhou para trás avistou o suspeito dentro de sua residência. A jovem afirma que ele derrubou ela no chão, rasgou suas roupas com uma faca e disse “como você é metida, eu vou fazer isso com você”. O suspeito colocou uma faca de serra no pescoço da vítima e praticou a conjunção carnal.

Suspeito de estupro O A F S preso pela Polícia Militar - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Suspeito de estupro O A F S preso pela Polícia Militar – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Após o crime, o indivíduo fugiu e a vítima ligou pedindo ajuda para seu namorado.

A PM realizou diligências e prendeu o suspeito em um bar. Ele foi conduzido para a 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP) para providências cabíveis. Osvaldo nega todo o fato e diz estar com a consciência tranquila.

Leia também:  Homem é preso acusado de aliciar mais de 20 crianças via redes sociais em MT

As informações constam em registro no Boletim de Ocorrência (BO).

OBSERVAÇÃO

Após ser perseguida, a jovem chegou a postar em suas redes sociais que um homem tinha a seguido.

Desabafo da vítima nas redes sociais - Foto: reprodução Facebook
Desabafo da vítima nas redes sociais – Foto: reprodução Facebook
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.