Uma trama de vingança terminou em tragédia de família em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte. Por ciúmes, Dirceu Cruz Rocha, de 63 anos, e o filho Lauriney da Cruz Rocha, de 37, tentaram matar o atual namorado da ex-companheira de Lauriney.

Polícia Civil / Divulgação
Polícia Civil / Divulgação

Durante a ação criminosa, entretanto, Dirceu acabou atirando nas costas de Lauriney, que morreu no hospital.

Ele foi preso na casa da mãe após oferecer resistência. A conclusão do caso foi divulgada pela Polícia Civil nesta sexta-feira (29). Segundo as investigações, Lauriney estava preso e quando foi libertado descobriu que a ex estava com um namorado novo.

O ataque aconteceu no dia 20 de abril no bairro Vale das Acácias. A vítima chegou a ser baleada, mas foi socorrida e não corre risco de morrer. O rapaz contou à polícia que estava em casa quando Lauriney subiu as escadas, o dominou pelas costas e o virou para a porta.

Leia também:  Mais de 230 escolas de Portugal participam de projeto que inclui igualdade de gênero

Neste momento, Dirceu apareceu atirando várias vezes. A vítima conseguiu se soltar, se trancou em um cômodo e gritou por socorro. Pai e filho fugiram em uma moto.

Segundo testemunhas, no local onde a moto estava parada havia uma grande mancha de sangue. o que levou a polícia a concluir que Lauriney também foi atingido pelos disparos do pai.

Dirceu Rocha, entretanto, não confessou o crime e não quis explicar o que aconteceu no dia da morte do filho.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.