O mês de março fechou com saldo negativo nas contratações com carteira assinada em Rondonópolis (MT). Durante o 1° trimestre de 2016 nenhum mês registrou saldo positivo na cidade. Foram 2.411 contratações e 2.696 demissões no período de março, fechando o mês com salto negativo de 285. As informações foram divulgadas pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados  (Caged).

O setor que mais demitiu no período foi o de Comércio com 169 pessoas desempregadas. O 2° setor que mais demitiu foi o de Indústria e Transformação com 68 pessoas desligadas.

Já o setor de Serviços foi o que mais gerou empregos com apenas 15 contratações.

Em janeiro desse ano o mês terminou com saldo negativo de 53 e fevereiro com saldo negativo de 139.

Leia também:  Coder descarta possibilidade de demissão de funcionários

BRASIL

O país perdeu 118.776 postos de trabalho com carteira assinada em março, uma variação negativa de 0,30% no estoque de empregos, comparada ao mês anterior, principalmente, em função da perda nos setores Comércio (-41.978 ou -0,46%), Indústria de Transformação (-24.856 ou -0,33%) e a Construção Civil (-24.184 ou -0,92%).

O saldo total é resultado de 1.374.485 admissões e 1.493.261 desligamentos. Com essa variação, o estoque de empregos no país atingiu 39.373.900 em março.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.