Um homem acusado de abusar sexualmente de duas crianças de 4 anos de idade teve o mandado de prisão cumprido, em Itiquira (357 km ao Sul), durante a operação “Civil na Carga Máxima 2”, deflagrada nesta terça-feira (19), em todo Estado de Mato Grosso. Segundo a Polícia, José Antonio Masson, 50, aproveitou das condições sociais das vítimas para cometer os crimes.

O suspeito estava foragido desde 2015, após ter sido identificado nas investigações da Polícia Civil de Itiquira como autor dos abusos contra as crianças de 4 anos de idade, na época dos fatos. O suspeito era vizinho das vítimas e aproveitou da idade e da pobreza das crianças para cometer os abusos.

Leia também:  Detento se solta de algemas, quebra teto de viatura em movimento e foge

Segundo as investigações, o acusado oferecia balas, doces e até dinheiro para atrair as vítimas até a sua residência, onde praticava os abusos. Durante o trabalho de investigação, foram realizadas perícias técnicas, oitivas de testemunhas e acompanhamento psicológico das crianças não havendo dúvida quanto a autoria e materialidade do crime.

Após a conclusão das investigações, o delegado Santiago Rozendo Sanches e Silva representou pela prisão preventiva do suspeito, porém antes que ordem judicial fosse decretada, o indiciado fugiu da cidade. Os policiais da Delegacia de Itiquira receberam a informação de que o suspeito havia retornado para a cidade e estava escondido em uma residência, na região central do município.

Com a deflagração da segunda fase da operação “Civil na Carga Máxima”, os policiais realizaram um trabalho voltado para localização do suspeito, conseguindo dar cumprimento a ordem de prisão.

Leia também:  Ex-detento morre ao levar 4 tiros no Padre Lothar
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.