Foto: Dercílio / Revista Saúde é Vital
Foto: Dercílio / Revista Saúde é Vital

Na lista de benefícios que o bom e velho cafezinho traz à saúde, os pesquisadores acabam de incluir mais um: o de diminuir o risco de câncer de endométrio.

Segundo o site Live Science, especializado em saúde e tecnologia, o estudo da faculdade de medicina de Harvard (EUA) foi apresentado no encontro anual da Associação Americana de Pesquisa sobre o Câncer na semana passada e mostrou que mulheres que consumiram quatro ou mais xícaras de café por dia durante tinham 22% menos chance de desenvolver a doença do que quem que não ingeria a bebida. O risco era 7% menor entre aquelas que consumiam de duas a três xícaras diariamente.

Mas o efeito protetor da bebida foi só percebido entre as mulheres com sobrepeso ou obesas, que possuem risco aumentado para a doença. E, pelo que parece, a presença da cafeína faz diferença nessa história. Nem todos os estudos analisados pelos pesquisadores diferenciavam se a bebida era com ou sem a substância. Mas, entre os que o fizeram, apenas a bebida com cafeína estava associada com um risco menor de se ter a doença.

Leia também:  Índices de ansiedade estão altíssimos em escolas brasileiras

Taí mais uma boa notícia para quem curte um cafezinho!

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.