O ex-mototaxista Gilson Larroque, de 41 anos, vulgo “Gilson Pit Bull”, foi encontrado morto boiando nas águas do rio Taquari, em Coxim. A vítima apresentava seis cortes no corpo provavelmente causados por facão.

Foto: Angela Bezerra
Foto: Angela Bezerra

Populares avistaram o corpo boiando no rio e acionaram o Corpo de Bombeiros. Com o apoio da PMA (Polícia Militar Ambiental) o corpo de Larroque foi retirado do rio numa pousada localizada na avenida Presidente Vargas, onde foi identificado por familiares.

Equipes da Polícia Civil comandadas pela Delegada Silvia Elaine Giradi dos Santos e do Núcleo Regional de Perícias também trabalharam no local e constaram que a vítima foi assassinada.

Conforme os peritos, Larroque apresentava cinco perfurações nas costas e uma mais profunda na cabeça, possivelmente causada por facão ou foice.

Leia também:  Grave acidente entre 4 carretas e um ônibus deixa vários feridos em SP

Uma testemunha afirmou a polícia que avistou o ex mototaxista , jogando sinuca num bar na Vila Bela, o que aponta que o crime tenha ocorrido durante o final de semana.

A Polícia Civil está investigando o caso para tentar localizar o autor ou autores do homicídio. O corpo de Larroque foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal de Coxim). Ele possuía várias passagens pela polícia.

Foto: Angela Bezerra
Foto: Angela Bezerra
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.