Foto: assessoria
Foto: assessoria

Com o objetivo de cobrar mais investimento no Instituto Médico Legal (IML) de Rondonópolis, o deputado Estadual, José Carlos do Pátio (SD), se reuniu com o diretor geral da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Rubens Okada, nesta semana.

O parlamentar destacou que marcou a reunião porque foi procurado por uma mulher que perdeu um filho em um acidente de trânsito na cidade e, por conta do baixo efetivo de peritos criminais e médicos legistas, teve que esperar cerca de 10 horas para poder velar o corpo.

“Imagina o sofrimento de uma mãe que perdeu seu filho e se vê obrigada a ficar vendo o corpo dele no asfalto, esperando que seja retirado do local para, enfim, poder realizar o velório. Isso mexeu muito comigo”, explicou.

Leia também:  Thiago Silva entrega certificados para formandos da FUG na Vila Operária

Segundo Zé do Pátio, o descaso da Politec com a população de Rondonópolis, não se justifica. Já que como membro da comissão de segurança pública, da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (AL-MT), conseguiu que o orçamento deste ano, aumentasse de R$ 1,3 bilhões, em 2015, para R$ 2,4 bilhões.

“Nunca a Segurança Pública do Estado teve um orçamento tão alto como está tendo. O governador Pedro Taques (PSDB) fez a parte dele e colocou o dinheiro. Agora, termos que ter um resultado rápido. Há uma necessidade em olhar para Rondonópolis, que é a terceira cidade mais populosa de Mato Grosso, mas ainda conta com um IML que foi construído em 2000, quando o município tinha cerca de 150 mil habitantes”, destacou.

Leia também:  Michel Temer admite possibilidade sobre aumento do Imposto de Renda

Apesar disso, o diretor da Politec, destacou que neste ano estão previstas reformas no IML de Rondonópolis e Cuiabá, além da realização de um concurso público para contratação de novos peritos criminal, médico legista, odontolegista, técnico de necropsia e papiloscopista.

Por fim, o deputado lembrou que o respectivo assunto, além de outros relacionados a segurança de Rondonópolis serão debatidos em uma Audiência Pública, requerida por ele, que será realizada ainda neste mês, no município.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.