Yuri Lopes Nascimento, 19 anos, Paulo Eduardo Sisino dos Santos, 24 anos, foram presos pela Polícia Judiciária Civil, na manhã desta quarta-feira (04), por suspeita de terem  assassinado o vendedor de colchão, Giovani Libardoni, 46, no dia 08 de novembro de 2015, no bairro Granville em Rondonópolis (MT).

Segundo a PJC o crime aconteceu motivada por causa de um sociedade que a vítima tinha com o pai de Paulo Eduardo. O negócio ao qual eles tinham causou muito prejuízo financeiro às partes.

A prisão foi realizada em cumprimento de dois mandados de prisão temporária. Os dois foram encaminhados para a 1ª Delegacia de Polícia da cidade, interrogados e,  posteriormente, conduzidos à Penitenciária da Mata Grande.

Leia também:  Operação Impúbere | Menor era usada pelos pais para vender drogas em Rondonópolis
Local do homicído no Granville. Foto: Varlei Cordova/AGORAMT
Local do homicído no Granville. Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

O crime

Giovane Libardoni, 46 anos, morreu após ser baleado quando estava chegando em sua residência no bairro Granville, em Rondonópolis (MT).

Segundo os vizinhos, Giovane tinha ido ao supermercado e quando voltou para sua casa, ainda dentro de seu carro na garagem, um homem entrou no quintal e desferiu 15 tiros contra a vítima, que morreu ainda no local.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.