A indiana Daljinder Kaur, que teria 70 anos, afirmou nesta terça-feira (10) que não se sente muito velha para ser mãe pela primeira vez. Daljinder deu à luz seu primeiro filho no mês passado após tratamento de fertilização.
Casada com o indiano Mohinder Singh Gill, de 79 anos, ela deu à luz um menino após dois anos de tratamento de fertilização in vitro em uma clínica de fertilidade no norte do estado de Haryana. Ela disse que sua vida estava agora completa.

Foto: NATIONAL FERTILITY CENTRE/AFP
Foto: NATIONAL FERTILITY CENTRE/AFP

“Deus ouviu nossas orações. Minha vida agora está completa”, disse Daljinder Kaur, que é casada com Singh Gill há 46 anos. Ela destacou que tinha quase perdido a esperança de ser mãe.

Leia também:  Americanos se preparam para receber furacão que pode chegar a mais 250 Km/h

A mulher disse que tem cerca de 70 anos, um cenário comum na Índia, onde muitas pessoas não têm certidão de nascimento. A clínica informou em uma declaração que ela tinha 72 anos.

O bebê foi concebido usando o óvulo e o esperma do casal e nasceu “saudável”, apesar ter nascido com apenas dois quilos em 19 de abril, segundo o Centro Nacional de Fertilidade, localizado em Hisar.

O marido Mohinder Singh Gill, que é dono de uma fazenda na região de Amritsar, disse que sua idade avançada não é problema. Segundo ele, Deus vai cuidar de seu filho chamado Armaan. “Deus é onipotente e onipresente. Ele vai cuidar de tudo”, disse.

Leia também:  Casal é preso na Rússia por canibalismo e fazer conserva humana com restos mortais
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.