Agente Penitenciário - Foto: Sindspen/Divulgação)
Agente Penitenciário – Foto: Sindspen

Um agente penitenciário, identificado como Aldo Halik, 51 anos, morreu após ser atingido por um tiro na cabeça nesta terça-feira (28) no bairro Jardim Florianópolis, na capital Cuiabá (215 Km de Rondonópolis).

Conforme informações da Polícia Militar (PM), o agente fazia a escolta de um caminhão carregado de cerveja, quando foi abordado por dois indivíduos. A dupla rendeu o agente e conseguiu roubar a arma dele. Antes de fugir, um dos suspeitos, que já estava armado, disparou contra Aldo.

Após o crime, os indivíduos fugiram levaram a moto da vítima. Segundo a PM, um dos assaltantes usava tornozeleira eletrônica.

A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve no local e constatou a morte do agente.

Leia também:  Após sair de igreja, jovem de 29 anos é baleado e morre no Jardim Ipiranga

De acordo com o Sindicato dos Servidores Penitenciários de Mato Grosso (Sindspen-MT), Aldo atuava na profissão há 20 anos e era lotado no Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC).

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.