Segundo a Polícia Militar (PM), a educadora de 48 anos foi agredida por uma aluna de uma escola estadual de Ji-Paraná (RO), região central do estado. Conforme registro policial, a educadora saia da aula quando foi cercada por um grupo de estudantes. Na ocasião, uma das alunas desferiu um soco no rosto da vítima, que teve um corte no supercílio. O crime aconteceu na quarta-feira (6), na Praça do Jardim dos Migrantes.

Foto: Reprodução/ WhatsApp
Foto: Reprodução/ WhatsApp

De acordo com informações da PM, a professora teria deixado as dependências da escola, quando na altura da Praça Bruno Calixto, no Bairro Jardim dos Migrantes, foi cercada por alunas que começaram a zombar da vítima. Na ocasião, uma estudante do 1º ano do ensino médio deu um soco no rosto da servidora.

Leia também:  Mais de 100 funcionários em obra de metrô na BA passam mal após alimentação

Uma guarnição da Polícia Militar (PM) compareceu ao local do crime para prestar atendimento à professora, que foi socorrida ao Hospital Municipal para atendimento médico. A menor que cometeu a agressão não foi encontrada. Depois de ser localizada, a adolescente deverá ser encaminhada à Delegacia da Mulher para prestar esclarecimentos e poderá responder por lesão corporal, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Por meio de nota oficial, divulgada nesta quinta-feira (7), a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) afirmou que repudia o ato de violência sofrido pela professora e que acompanhará o andamento do processo para que depois possa tomar medidas educacionais.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.