A colisão frontal de dois trens de passageiros deixou ao menos 12 mortos e dezenas de feridos na manhã desta terça-feira (12), na região de Puglia, no sul da Itália, segundo a Associated Press. A polícia afirmou que o acidente aconteceu em um trecho de via única entre as cidades de Corato e Andria, segundo a Reuters.

Foto: Italian Firefighter Press Office/ AP
Foto: Italian Firefighter Press Office/ AP

A batida, que aconteceu por volta das 11h (no horário local), deixou vagões destruídos. O jornal italiano Corriere de la Sera informou que, com o impacto, peças de metal foram lançadas à distância em um a plantação de oliveiras que cercam os dois lados dos trilhos.
Pelo menos uma criança foi retirada com vida dos destroços e levada para o hospital de helicóptero, segundo a agência ANSA.
“O resgate é complicado porque o acidente aconteceu no meio de uma zona rural”, disse o porta-voz dos bombeiros Luca Cari.

Leia também:  Avião particular parte ao meio após cair com problemas mecânicos em Istambul

Equipes de resgate de Bari e Barletta foram mobilizadas e montaram uma estrutura improvisada para atender os feridos. O número de mortos e feridos ainda pode aumentar, porque as equipes buscam feridos presos nas ferragens.

O primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, durante visita a Milão declarou que o caso será investigado. “Não vamos parar até termos uma explicação clara sobre o que aconteceu”, disse.
A linha, que foi interrompida, é administrada pela Ferrotramviaria.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.